Arquivo para maio, 2014

Razão de ser

Posted in Uncategorized on maio 14, 2014 by gilknup

1146359_563414433696173_777732256_o

Escrevo. E pronto.
Escrevo porque preciso
preciso porque estou tonto.
Ninguém tem nada com isso.
Escrevo porque amanhece.
E as estrelas lá no céu
Lembram letras no papel,
Quando o poema me anoitece.
A aranha tece teias.
O peixe beija e morde o que vê.
Eu escrevo apenas.
Tem que ter por quê?

( Paulo Leminski)

Anúncios

Se sentindo assim

Posted in Uncategorized on maio 13, 2014 by gilknup

Imagem

Estou afim
de enxergar além do que os olhos podem me mostrar
de colocar pra fora
aquilo que minha boca não consegue falar
Afim de quebrar regras e padrões morais
de roubar de quem se considera dono
causar danos a esses destruidores de sonhos.

Olho pra você e vejo um pássaro louco a voar
pedalando com as asas abertas
prontas para sentir mais vida e amar
preparada para romper tudo que nos é imposto em forma de mercadoria
na busca de se sentir feliz
apenas por viver mais um dia.

O seu sorriso, abala todas as estruturas da minha consciência
O seu abraço, aquece toda frieza do meu coração
O seu olhar invade a minha alma
e me faz enxergar em vocÊ
tudo aquilo que me falta.

Como eu, você grita, sonha e luta por liberdade
mas infelizmente também é presa
a esse sistema que nos agride de forma covarde.
Eu ainda irei te salvar, juntx iremos nos libertar
Porque é forte, mais forte do que você possa imaginar
o nosso desejo de amar.

(Gilcélio)

cOLocAnDo aLgO pRa FoRa

Posted in Uncategorized on maio 8, 2014 by gilknup

faça vc mesmo ou morra

Siga em frente e plante uma semente para um futuro livre dos padrões dessa sociedade e de qualquer sistema estabelecido, se conformar e continuar do jeito que está de nada vai adiantar. Reclamar também é valido só que mais válido ainda é fazer você mesmo algo que te fará feliz, dever para ter somente irá te prender a tudo aquilo que tu queres se libertar. Se esqueça das amarguras do passado… CuLTivE ReSisTêNcIa, fortaleça sua existência.

(giLcÉLiO)

insonia, caneta, papel e cardíaco

Posted in Uncategorized on maio 5, 2014 by gilknup

Imagem

Espere um pouco mais para mostrar o que tem ai dentro
o que me aproxima de você, me coloca ar nos pulmões
me da motivos para caminhar para continuar a viver.

Espere acabar meu amigo, para voltar atrás
e obter do tempo um “é tarde demais”
alguém que me inspira a escrever essas linhas, que a muito
T E M P O já dizia… “não há nada pior
do que tarde demais.” ah charles meu amigo
espere eu morrer e não ouvir mais que “esta tudo bem”,
mesmo sem você dizer por um sorriso simples aparecer…
me espere partir meu amigo
sem antes mostrar o que tem ai dentro, que corresponde
ao que me diz-respeito. 
Espere, meu amigo
o carinho que agora você quer compartilhar, de um sentimento
que aqui jaz-descansa em paz.

Lhe peço com carinho, amigo!
Fique ai esperando, de longe, me vendo apodrecer
nessa terra sozinho, seguindo o mesmo caminho
de longe, em silêncio, um maldito fim, um destino.

Me olhe bem nos olhos e diga o que eu NÃO SINTO
que não é bom aquele frio na barriga
que sentimos num abraço
em um olhar e num sincero sorriso

a palpitação que vai sumindo deixando lugar para se ocupar
de um sentimento que é infinito… sim, é verdade, eu lhes amo
meus amigx queridx!
E nunca vou ir embora, a não ser que você me bote pra fora
eu não estou partindo somente o meu coração que eu mesmo tenho ferido.
Mesmo que me doa muito todo esse frio obscuro
sempre estarei te esperando, pois longe ou perto estamos no mesmo caminho
um caminho maldito, em que você vai se lembrar de mim quando sentir o que eu sinto.

(Todd)