Arquivo para março, 2014

Quando o mundo cai sobre você, E não sabes o que fazer.

Posted in Uncategorized on março 26, 2014 by gilknup

601722_542935595768266_1732685508_n.jpg

Quando o que vocÊ ama é contra ti
não acredita nos seus sonhos
Te impõem regras
uma vida de merda

A desobediência tem que ser certa !!!

As pessoas não entendem
que o melhor pra ti
é o que te faz sorrir
Não aquilo que te prende
oprime e repreende
mas aquilo que te deixa contente
faz seguir em frente

(Gilcélio)

Anúncios

Queria eu…

Posted in Uncategorized on março 23, 2014 by gilknup

queria q

Queria eu, não sentir medo
Não ter segredos

Queria eu, me sentir leve
Não carregar o peso
de preocupações que não desejo

Queria eu, não ser assim
a vida seria mais fácil
se tudo não fosse tão chato

Queria eu, conseguir chorar
Para minha alma aliviar

Queria eu, não pensar
somente ir
com sinceridade
Poder sorrir.

Que a melancolia seja breve
Que o vento me carregue
Que o meu coração se recupere
Que a vida seja mais alegre

Ou…
que um tiro na cabeça eu leve.

(Gilcélio)

CuLTiVe ResIsTêNcIa

Posted in Uncategorized on março 20, 2014 by gilknup

1459079_639348526108309_2067467563_n

poema(?) libertarix
pode ser escrito em papel velho
usado, todo dobrado
pode ter na ponta do lapis
um coração desesperadx, chatiadx
todo costurado
cheio de retalhos
um coração cuidadosamente amparado
pelxs compxs que correm lado a lado
queria aprender com meus gatxs
a arte de nao dar a minima
para o que é falado
o que tem me chatiado
as vezes é um vazio
que eu afasto em um trago
deste baseado, tao imoral, marginal
descriminado, apontado como tal
fisicamente sozinho
correndo ao seu lado
hoje eu sai pra pedalar, como é forte
a felicidade causada, ofegante
bombando em sentimentos, expressões pulsantes
é livre esse jeito de amar
entenda oque eu quero pra você desenhar
eu te amo, pedalar
pedalar pedalar pedalar
vá!
vá! mas nao se esqueça de amar
gosto de você, libertar
respiramos o mesmo ar
compartilhamos do mesmo sonhar/libertar!!!!!!
caminhante contra essa maquina de destruir SONHAR, que ate então nos fora imposta, uma prisão contra quem vive a sonhar esse doce libertar
com o coração arrombamos varias trancas, invadimos, okupamos
passamos por varias portas
ter o que? se SER feliz é o que realmente importa.

(Todd)

Nostalgia

Posted in Uncategorized on março 12, 2014 by gilknup

1000110_619371294763596_1879242516_n.jpg

“O que ficou pra trás e não durou já era.
Nostalgia é uma merda !!!

siga em frente
o caminho certo a seguir
quem escolhe é a gente

não um livro escroto
folheado por crentes

jogue o que é velho fora
construa coisas novas.”

(Gilcélio)

Rotina Urbana

Posted in Uncategorized on março 12, 2014 by gilknup

1175633075_98319fef09_o

A descrença da sociedade
A correria da cidade
O chefe e a sua autoridade

O ônibus lotado
O funcionário atrasado
O salário contado
O mendigo abandonado

A fumaça dos carros
Dos cigarros
Do cachimbo do noiado

A falta de esperança
A sede de vingança
A conquista de status
Por direito a ignorância

A repressão da polícia
trabalhar para pagar dívidas
A procura do ter
comprar
gastar
matar
vender… para sobreviver

Seguir um padrão estabelecido
Sorrir sempre que preciso
mesmo que você não queira isso

A vontade de morrer
A falta de sentir
Ficar só aqui
Não ter para onde ir.

Porque viver assim ??
Por que assim viver ??

Será que não da pra perceber
que eles que estão escolhendo por você
te programando e alienando
destruindo os seus sonhos.

(Gilcélio)

Cristão Maldito

Posted in Uncategorized on março 7, 2014 by gilknup

hahaha

Cristão maldito
sua homofobia me faz querer gritar
tirar a superioridade do seu olhar

Cristão maldito
sua alma fede mais
que um corpo em decomposição
jogado no lixão

Cristão maldito
o seu dinheiro é baseado na mentira
Que rouba a vida
das pessoas oprimidas

Cristão maldito
o seu terno caro
e o seu sorriso roubado
não esconde a hipocrisia dos seus atos

Cristão maldito
cuspo em sua bíblia
com suas folhas limpo o meu rabo
fumo um baseado

Cristão maldito
você quer poder
para fuder com todos
que pensam diferente de vocÊ

Cristão maldito
cale sua boa
espero que você morra
enforcado numa forca

Cristão maldito
Chega de se aproveitar da desgraça alheia
da dona de casa que não tem comida na mesa
do noiado abandonado, dos doentes hospitalizados
vocÊ não vÊ? Que suas mentiras os impedem de viver?
Crescer? Ser ?

Ah cristão maldito, nada disso importa pra você não é ??
O seu deus já te convenceu, nos FUDEU.

Cristão maldito
sua solidariedade é disfarçada
sua fé é falsa
suas palavras alienadas
suas cruz uma piada
sua grana roubada
sua vida um farsa
seu preconceito uma desgraça.

(Gilcélio)

vomito religioso

Dor elegante

Posted in Uncategorized on março 4, 2014 by gilknup

ian curtis depre

Um homem com uma dor
É muito mais elegante
Caminha assim de lado
Como se chegando atrasado
Chegasse mais adiante

Carrega o peso da dor
Como se portasse medalhas
Uma coroa, um milhão de dólares
Ou coisa que os valha

Ópios, édens, analgésicos
Não me toquem nesse dor
Ela é tudo o que me sobra
Sofrer vai ser a minha última obra

(Paulo Leminski)