Arquivo para setembro, 2013

Assassine-se e sinta-se

Posted in Uncategorized on setembro 30, 2013 by gilknup

Imagem

Desbaratina da rotina é o que há !!!
Estou com vontade de assassinar
O meu eu
Meu modo de ser
e pensar

Criar outro eu
Alguém que me faça
Sei lá.
Só sei que assim
não gosto de estar.

Não quero estar aqui
Para trabalhar
e estudar
Esperar o final de semana
Para descansar
e desfrutar

Isso tudo é uma mentira !!!
Que destrói os sonhos
da minha vida

Não quero saber de nada disso
Disso o quê ?
De comprar um carro,
Um celular caro
Ter status.

Estudar, estudar
trabalhar, trabalhar
Pra que?
Pra ser um humano digno??
Que se FODA tudo isso !!!!

Enquanto vocês correm, correm, correm
Para o seu ego enaltecer

Olho e vejo um bando de máquinas programadas
Que se matariam se tivessem uma arma.

(Gilcélio)

 

Domingo, calor e tédio

Posted in Uncategorized on setembro 29, 2013 by gilknup

tedio

Que merda !!!
Tudo que é bom passa
E nada nos resta

Odeio ser eu
Dentro de mim mesmo
Sinto que tudo apodreceu

Não gosto de estar aqui 
Nem ali, nem acolá
Mas quero estar em todo lugar

Domingo, calor e tédio
Me tire deste inferno
Salve minha vida
Me compre uma bebida.

Estou frustrado
Vou acender um baseado
Me sinto cansado
Cadê meu cigarro?
Quero que você se foda 
Por favor….
Dê um tiro na boca

(Gilcélio)

O resto eu te conto tomando um cafézinho…

Posted in Uncategorized on setembro 17, 2013 by gilknup

tumblr_lg4svkkzrv1qzdgkko1_500

Somos pessoas sem definição de gênero
Somos sinceros no que acreditamos e no que vivemos
Somos autodestrutivos e suicidas
sutis, e elegantes
Mas temos extintos primitivos de liberdade ao extremo,
Somos como carne e unha
matéria bruta do ódio
que com as caricias do vento que assopram amor livre
foi aos poucos se transformando em ternura e rebeldia por causa, SIM!
Por causa desse além que a gente vai
e segue muito mais distante
Mas não queria estar distante de ti,
Pois te sinto com dor
e uma leve sensação de medo paira o ar
Pois, se não é contigo que estou agora, me pergunto :
– Aonde eu deveria estar ?
E vou depressa
Vivendo rápido só que com muita calma,
E então mesmo juntos somos a solidão demasiada,
o desapego, somos o nada,
E que assim seja,
Ou, que assim se exploda, tanto faz…
Somos o feliz pra sempre
Todos os dias e todos os agoras
e se não formos feliz agora
não perdoaremos jamais

(Tita)

Roubado do blog: http://doceacidez.wordpress.com/

CoRpO LivRe y iMoRaL

Posted in Uncategorized on setembro 10, 2013 by gilknup

1167715_641651722536457_1374839488_n

kebrando os velhos padrões y dogmas religiosos…eu me liberto deste mundo moralista…
mundo cruel y desumano onde o amor é reprimido pelos velhos costumes 
da mediocridade do ser humano…
viva o amor livre…ame y goze pra fora todo o prazer do corpo…
livres y selvagens nos tornamos nós!!!
quebrando as correntes da opressão…
o amor só é amor quando é livre…
y com o amor a maravilha da liberdade!!!

(Paulin)

“Amor livre é coisa de anarquista. É coisa de mulher livre, é coisa de homem livre, é coisa de gente livre, é coisa de corpo livre. Corpos livres arruínam as hierarquias. Abolem os castigos. Desbaratinam as autoridades. “

Quero me soltar, não enraizar

Posted in Uncategorized on setembro 9, 2013 by gilknup

tumblr_mqcy4jMahE1qkc6s6o1_500

Sentir e não ter
É isso que preciso fazer
A brutal realidade
Me tira o que é bom de verdade

Olho ao redor
Tenho vontade de fugir dessa cidade
De não ir mais ao trabalho
Prisão dos sonhos de liberdade

Sinto em minha alma
A necessidade de coisas simples
De sorrir por besteiras
Viver sem fronteiras

(Gilcélio)

Não destrua os seus sonhos, destrua seus limites

Posted in Uncategorized on setembro 9, 2013 by gilknup

1000021_1402978676587137_1934124293_n

Ai meu coração
Num dia ele me mata
Em outro ele me salva
Me tira o sono
Enlouquece minha alma

Dia desses eu quis morrer
Frustrado, fudido….

Mas em outro dia
Senti alegria
Amor pela vida
Intensidade e euforia

Foda-se o mundo
Essa noite será só nós três
Compartilhando tudo.

Cigarros, vinho e ácido
Madrugada, Segredos, sonhos e amassos

Estamos juntos
Foda-se tudo !!!
Vamos aproveitar cada segundo

Amanhã será outro dia
Nos separaremos
Restando apenas
Pensamentos e sentimentos

(Gilcélio)

 

preciosa liberdade

Noite de independência de três corações fora do peito.

Posted in Uncategorized on setembro 9, 2013 by gilknup

liberdade
Na madrugada funda olhávamos os cães do mundo
livres e vadios
sem rumo que lhe comandassem os pés
infinitos que éramos três
cantaram para nós uma orquestra de saporeios
silêncio dos sapos
cantavam os grilos
sussurrava o vento
firmavam-se luzes na água negra
Seguiram-nos os cães
vadios que eramos
vadios e livres
noite funda livre linda
o dia da independência
de tudo que nos afasta de nós. 

(Anne) –

 

“Amo a liberdade, por isso que deixo as coisas que amo livres. Se elas voltarem é porque as consquistei. Se não voltarem é porque nunca as possui. “(John Lennon)